sábado, 8 de maio de 2010

Não mais

Escrever é um pedido que minha agonia faz a mim mesmo
Agonia de estar com a caneta parada em um ponto fixo.
Quando nada que possa formar algo cabível neste espaço
vem a mente, o jeito é falar exatamente sobre isto que não me deixa falar de nada
Porque, se percebeste, chega um ponto em que o único motivo de estar escrevendo é para não deixar espaços em branco.

2 comentários:

  1. O vazio que incomoda o poeta que esbanja das palavras, que esnoba.

    ResponderExcluir